Blog Lairce Cardoso

Lairce Cardoso

QUERO DEDICAR TODO MEU AMOR PRA VOCÊ

15 de maio

– Quero dedicar todo o meu amor pra você. Ao terminar a frase, olhando-se no espelho, Larissa sentiu-se boba e sem graça. Só poderia estar ficando louca, decorar frase como se fosse uma adolescente. Riu de si mesmo e prometeu que cometeria um papelão desse.

A pilha de vestidos jogados sobre a cama denunciava o sentimento de ansiedade e preocupação de Larissa com o encontro daquela noite, ela queria impressionar, mas na medida exata, além disso era uma noite muito especial . Já havia experimentado vários trajes, feito uma centena de combinações mais nada a agradava.

Como poderia estar tão insegura, fazia aquilo todo os dias. Ajudava as senhoras a se trajarem com elegância e beleza, e naquele momento não conseguia se produzir para um jantar.

O relógio continuava a marcar as horas, que passavam voando sem piedade e tolerância para com a sua indecisão. As horas voavam e ela não conseguia se decidir. Estava quase perdendo a paciência consigo mesmo.

– Meu Deus! Que é isso Larissa? Está parecendo uma adolescente. Controle-se, pelo amor de Deus, é só um jantar.

E riu sozinha.

– Mas é o jantar. Ah! minha mãe, como queria que estivesse aqui comigo, por certo, saberia me orientar sobre o que vestir, você sempre soube escolher a vestimenta correta conforme a ocasião. Que falta me faz.

E, abrindo o armário mais uma vez, bateu os olhos num vestido que saltou às suas vistas. Era simples, mas elegante e sexy, sem ser vulgar. Deu uma risadinha ao lembrar-se quem o havia confeccionado.

– Tá certo dona Rute, eu aceito sua sugestão.

E soube que acertara em cheio ao ver a expressão de admiração no rosto de Giuliano, que chegara pontualmente no horário marcado, como assim fizera em todos os compromissos marcados com ela.

– Obrigado. Disse ele ao estender a mão para cumprimentá-la.

– Porque? Perguntou Larissa meio sem graça.

– Por estar tão linda! Espero que seja para mim.

Ela deu de ombros e cheia de charme, aceitou a mão estendida para ajudá-la a se acomodar no carro. E a partir daquele momento deixou o controle da noite nas mãos de Giuliano.

O restaurante escolhido era simples mas deliciosamente aconchegante. A comida estava divina e o vinho na temperatura perfeita. A conversa fluiu serena e agradavelmente e, a sensação que ela sentia era que tinha vivido sua vida inteira ao lado daquele homem magnifico.

Como pudera ser tão cega, mas estava feliz por ter tido tempo de consertar seus desarranjos.

Depois do jantar, Larissa queria apenas deliciar-se da companhia de Giuliano e não se furtaria de viver absolutamente nada naquela noite, por isso nem questionou quando ele a levou para uma lugar mais íntimo.

Giuliano a beijou sem pressa, como se eles tivessem todo o tempo do mundo. Ela se deixou envolver, sentindo no seu corpo o calor dele e se entregou com paixão a tudo o que aquela noite lhe reservou.

Nos braços de Giuliano sentiu-se mulher, amada e feliz. A paixão vivida com Genaro era desesperadora e conturbada, parecia uma prisão. O amor que sentia por Giuliano era tranquilo e a fazia se sentir livre.

Agora, conseguia além distinguir, sentir perfeitamente que a diferença entre Giuliano e Genaro era descomunal. Marion tinha razão, estava a anos luz. Nos braços de um só encontrou desalento, no do outro, alegria.

Estava horas a admirá-lo, quando ele se virou e a olhou com seus olhos negros, que já não lhe causava mais medo.

– Te guardarei eternamente em meu coração, pois você é quem eu sempre busquei, mesmo sem saber. A partir de hoje, quero dedicar todo o meu amor pra você, pelo resto dos meus dias . Disse Larissa, aconchegada nos fortes braços de Giuliano e, não achou que tinha cometido nenhum papelão.

Ele apenas a apertou contra o peito e ela sabia que, aquele era o seu jeito de dizer que a amava.  Sorriu feliz e prometeu pra si mesma que cuidaria daquele homem pro resto de sua vida, era o mínimo que poderia fazer por tudo o que ele já fizera por ela.

Capítulo XXIXQUERO DEDICAR TODO O MEU AMOR PRA VOCÊ

Quer me conhecer melhor? Assista ao vídeo “Quem sou eu” https://www.laircecardoso.com.br/quem-sou-eu

Sobre o Autor: Lairce Cardoso
Lairce Cardoso

|

Nasci no berço da família Cardoso, na cidade de Paranapuã, no interior de SP no dia 15 de Julho de 1.963. Sou a nona filha do Senhor Libério e da Dona Lindaura.

Deixe uma mensagem

Qual o seu nome?
Preencha com um e-mail válido
O seu endereço de e-mail não será publicado
Digite uma mensagem :)