Blog Lairce Cardoso

Lairce Cardoso

ROMANCES INSPIRADOS EM HISTÓRIAS REAIS

3 de junho

Vocês sabiam que existem muitos romances inspirados em histórias reais?

Decerto que todos nós sonhamos com aquele romance igual ao das telonas. Mas, por mais que seja um desejo de tantos, é provável que eles não existam.

Será?

Diário de uma Paixão é baseado em história real? Veja a verdade

A superprodução como efeitos de câmara lenta com uma música sensacional ao fundo, o beijo na chuva ou as cenas de sexo nos lugares mais inusitados pode até nos deixar em dúvidas, porém as histórias, essas, meus amigos, não duvidem existem, e são bem reais.

Desse modo, apresento a vocês uma seleção de filmes que fizeram o maior sucesso nas telonas e, que surpreendentemente foram inspirados em histórias reais.

Ah! E como diz um grande amigo, a chuva que molha os casais no cinema, com toda a certeza é produção de uma equipe por trás das câmaras, mas do mesmo modo, temos a nossa disposição chuva real produzido pelo maior produtor de todos os tempos que, muitas vezes, vive atrás de nossas câmaras, chamada vida. No entanto, para experimentá-la, precisam estar dispostos a ficar ensopados na companhia do seu amor. Sem dúvida, ele não é galã ou a mocinha do cinema, mas por certo, é o galã ou a mocinha que escolheu para fazer parte de sua vida. Imperfeitamente perfeito pra você.

A música? Nada que um celular não resolva. As demais produções ficam por conta de sua imaginação e, creia você poderá se surpreender com a sua criatividade. Experimente! A vida tá aí para ser romanceada.

Para Sempre (The Vow)

Filme inspirado na história de um casal recém-casado: Krickitt (Paige Collins) e seu marido, Kim Carpenter (Leo), interpretados por Rachel McAdams e Channing Tatum. Logo após um acidente de carro Paige começou a ter crises de amnésia e, apagou de sua memória os últimos 18 meses de sua vida. Justamente no momento em que o romance entre Krickitt (Paige) e Kim (Leo) ganhou vida, levando-os ao altar. Por mais que buscaram ajuda, ela não conseguiu recuperar a memória, ainda assim, ele não desistiu e ficou perto de sua esposa, até que ela se apaixonou por ele outra vez, como se fosse a primeira vez.

Rainha do Deserto (Queen of The Desert)

Filme Inspirado na vida da escritora e viajante britânica Gertrude Bell. Apesar de ser filha de pais ricos, Gertrude não tinha o menor interesse pela vida dos aristocratas de Londres. Por causa disso, Gertrude, que no filme foi interpretada por Nicole Kidman , embarcou numa louca aventura para o oriente, onde se apaixonou por um funcionário da embaixada, Henry Cadogan, interpretado por James Franco.

Anna e o Rei (Anna and The King)

Essa inspiradora história nasceu das memórias da professora, viajante e personalidade pública Anna Leonowens. Na década de 1860, por aproximadamente cinco anos, ela ensinou Inglês e Cultura às 39 esposas e 82 crianças, incluindo os filhos do Rei Mongkut, do país de Sião, atual Tailândia. Anna, interpretada por Jodie Foster, ganhou a reputação de  mulher inteligente com visão futurista, já que frequentemente promovia e defendia seu ponto de vista e seus ideais, independentemente se aceita ou não.

Entre dois Amores (Out of Africa)

Do livro autobiográfico da escritora dinamarquesa Karen Blixen, o filme conta que ao mudar para a África e se dedicar aos seus negócios, ela conheceu o viajante e caçador Denys Finch Hatton. Apesar de suas diferenças, tanto nos interesses comerciais como nos gostos pessoais, um romance relâmpago tem início entre eles. O filme, no qual Karen foi interpretada pela incrível Meryl Streep, recebeu 7 estatuetas do “Oscar”.

Em luta pelo Amor (Dangerous Beauty)

Esse romance trata-se da adaptação da vida de uma das mais famosas e belas cortesãs de Veneza do século XVI, Veronica Franco, interpretada por Catherine McCormack. A moça se apaixona por um jovem que pertence à alta sociedade e, portanto, não pode legalmente ser seu marido. Graças ao conselho de sua mãe, ela se torna uma cortesã e, em razão de seu intelecto e beleza, conquista os corações de muitos homens.

A Teoria de Tudo (The Theory of Everything)

O romance mostra-nos parte da vida do cientista Stephen Hawking, que se apaixona por uma estudante de filologia chamada Jane Wilde. Uma vez que ele perde o controle de seu corpo por causa de uma doença, a ajuda de sua amada, com toda a certeza foi essencial para a continuidade de suas investigações. Como resultado do profissionalismo e maestria ao interpretar o astrofísico, Eddie Redmayne recebeu o “Oscar”.

Uma mente Brilhante ( A Beautiful Mind)

Por sua vez “Uma Mente Brilhante” conta a história do matemático ganhador do Prêmio Nobel, John Forbes Nash Jr., que sofria de esquizofrenia. O filme traz ao conhecimento do público não só as conquistas mas também as dificuldades que o gênio teve que enfrentar, além disso, é claro que o amor sincero entre ele e a esposa Alicia Lardé é um doa ponto, brilhantemente destacado no filme.

Johnny & June (Walk the Line)

Aqui a  biografia do famoso cantor country, Johnny Cash e sua segunda esposa, June Carter é o enredo do filme. Johnny , que foi interpretado por Joaquin Phoenix, sonhou por mais de 10 anos em conquistar essa mulher. Sua vida familiar era complicada, não só por causa de vício com drogas, mas também por causa de problemas familiares e psicológicos, o que levou a ambos à beira de um colapso total. Depois que colocaram seu grande amor em primeiro lugar, juntos conseguiram superar todas as dificuldades. Com efeito do belo trabalho Reese Witherspoon ganhou o “Oscar” ao interpretar June Carter.

Amor Extremo (The Edge of love)

Um polêmico filme com o intuito de contar sobre a vida do famoso poeta Dylan Thomas. O intrigante enredo, revela que o poeta, conhece e se envolve em um grande amor, mesmo que dividisse a vida num casamento razoavelmente normal. Seja como for, um encontro inesperado trouxe romance, mas uma complicada relação entre os amantes. A história trouxe como protagonistas Keira Knightley e Matthew Rhys.

Amor e Inocência ( Becoming Jane)

Se por uma lado o grande amor da escritora inglesa Jane Austen e do  advogado irlandês, Tom Lefroy, abrilhante esse belíssimo filme, por outro lado, o amor não é o tem de interesse dos pais da jovem. Por mais que a história dos jovens, possam revelar uma familia amorosa, os pais eram contra o casamento, já que esperavam mais propostas benéficas para seus filhos, uma vez que eles asseguravam as condições financeiras das famílias. Nessa história maravilhosa, mas triste, atuaram Anne Hathaway e James McAvoy.

O novo mundo (The New Word)

Os livros do capitão britânico John Smith, escritos após seu retorno da América, onde ele navegou com a finalidade de conquistar as terras onde os índios habitavam, foram a inspiração para esta obra de arte.  Só que entre lutas na atmosfera de natureza selvagem, o inesperado acontece e uma bela história de amor acontece entre John, que foi interpretado por Colin Farrell, e a jovem princesa indígena Pocahontas, interpretada por Q’Orianka Kilcher.

Amor e Revolução (Colônia)

Embora toda a dor, o amor gritou muito alto na  história desse jovem casal alemão, no epicentro do Golpe Militar no Chile. Uma vez que o rapaz, interpretado por Daniel Brühl, é preso e enviado para a Colônia “Dignidad”, sua garota, em papel desempenhado por Emma Watson, também vai para lá voluntariamente para salvá-lo. Mesmo que as condições não eram propícias, uma bela história de amor, surge nos escombros da prisão.

Comer, Rezar, Amar (Eat Pray Love)

A adaptação do relato autobiográfico de Elizabeth Gilbert nos mostra que as provações são apenas uma oportunidade para melhorar as coisas na vida. No momento em que a protagonista, interpretada por Julia Roberts compreendeu que não estava feliz, tomou a decisão de deixar tudo para trás e fazer uma viagem fascinante. Lá,  ainda que totalmente descrente, ela não só encontrou a felicidade como também conheceu o amor com Felipe , cujo nome na vida real é José, interpretado por Javier Bardem.

Como se fosse a Primeira Vez (50 First Date)

Ainda que você nem saiba, é provável que conheça a história da britânica Michelle Philpots, pois sua vida virou filme em 2004.  Drew Barrymore interpretou a simpática, adorável e esquecida Lucy Withmore, na clássica comédia romântica Como se Fosse a Primeira Vez.

Assim sendo na telefona a história ganhou vida e o gosto de muitos. O trama retrata a história da jovem havaiana que, após sofrer um trauma em um acidente de trânsito, desenvolve uma síndrome de memória a curto prazo. Apesar de no cinema ser uma comédia romântica, na vida real esta é, exatamente, a rotina de Michelle.

Por fim, o meu filme favorito. Mesmo que não tenha um final feliz neste plano terreno, o amor narrado neste filme, deixa claro que é o mais forte e belo dos sentimentos. E, que o preconceito até pode tentar vencê-lo, mas ele é indestrutível.

Assisti a esse filme na minha adolescência, quase morri de chorar, mas guardo-o em meu coração como uma relíquia.

É um filme de 1988, que traz no enredo um drama baseado em fatos reais do romance medieval francês do século 12 entre Pedro Abelardo e Heloisa. “Perdoe-nos Pai, por termos amado”.

Em Nome de Deus (Stealing Heaven)

Abelardo (Derek de Lint) é um famoso filósofo, teólogo, um grande lógico e professor na Catedral de Notre Dame.  Na época todo filósofo por costume, tinha que ser casto. No entanto, ele se apaixona por uma de suas estudantes Heloísa,  (Kim Thomson), então com 16 anos, que fora criada num convento. Fora dos padrões da época, onde mulheres não recebiam educação intelectual, Heloísa era cheia de vida, inteligente, curiosa e estudiosa. Quando o relacionamento dos dois é descoberto por Fulbert , tio de Heloísa , este, descontente, conspira com o Bispo de Paris para colocar um fim nesse romance.

Ainda assim Abelardo e Heloísa se casam em segredo e tem um filho chamado Astrolábio (Eugen Marcelic). Ao mesmo tempo que o amor o chama para a vida, Abelardo trava uma luta consigo mesmo por ir contra a vontade de Deus, mas por amar intensamente Heloísa, apesar de todos os conflitos mantém o relacionamento. Enquanto isso, o tio de Heloísa  trama uma terrível vingança que irá mudar a vida de Abelardo e Heloísa para sempre.

Veja também: https://laircecardoso.com.br/pedacos-da-vida/procurase-um-grande-amor/

Siga-me: http://@lairce_cardoso_ofc

Sobre o Autor: Lairce Cardoso
Lairce Cardoso

|

Nasci no berço da família Cardoso, na cidade de Paranapuã, no interior de SP no dia 15 de Julho de 1.963. Sou a nona filha do Senhor Libério e da Dona Lindaura.

Deixe uma mensagem

Qual o seu nome?
Preencha com um e-mail válido
O seu endereço de e-mail não será publicado
Digite uma mensagem :)