Blog Lairce Cardoso

Lairce Cardoso

PACIÊNCIA, UM POUCO MAIS DE CALMA

21 de abril
De um desejo do meu coração, convidei alguns amigos da estrada da música, para juntos levarmos uma linda mensagem para VOCÊ!
O que dizer dessa galera que topou participar deste projeto…??
GRATIDÃO define! ?
“A paciência é a melhor forma para suportar tudo aquilo que não depende de você!”
Aline Pagnota de Paula

Paciência mãe…  Já perdi as contas de quantas vezes ouvi essa frase do meu filho, especialmente quando estou pilhada a mil por hora.

Como queremos tudo para ontem e estamos sempre no limite da tolerância, à primeira vista a palavra paciência, especialmente para quem vive a mil por hora, tem um som muito desagradável porque dá alusão a coisa morosa e a inércia.  Tudo muito lento.

Mas, na verdade paciência é uma virtude de que tem a capacidade de manter o autocontrole emocional quando a vida nos impõe à prova. Ter paciência significa esperar, suportar com calma os incômodos daquilo que não se pode alterar conforme o nosso desejo, sem alterar o próprio humor. Coisa difícil. Não é mesmo?

Praticar paciência te faz tolerante e permite a capacidade de contar até dez antes de explodir. Sim, isso é qualidade de poucos e é quase uma utopia emocional.  Tornar-se uma criatura sábia, a ponto de manter o equilíbrio, não é coisa para muitos.  

Mas esforçar-se para ser elegantemente paciente é uma das poucas coisas gratuitas, que depende exclusivamente de cada um, e olha só… manterá seu corpo saudável.

Não é isso que ouvimos quando topamos com os pacientes de plantão “fulano vai viver 100 anos, nada o tira do prumo!

Então a regra é muito clara: paciência mantém o corpo em equilíbrio, impaciência bagunça o coreto, se o pavio é curto explodirá por um fio, dando adeus a sua tranquilidade emocional.

Como bem cantou a Aline e seus convidados “O mundo vai girando, Cada vez mais veloz, A gente espera do mundo, E o mundo espera de nós, Um pouco mais de paciência”

Mais um aprendizado que devemos levar em consideração diante do momento vivido. Afinal, não é isso que estamos tendo que aprender? A ter paciência?

E, como bem diz o dito popular: A paciência é a mãe de todas as ciências.

Pense nisso!

http://WWW.facebook.com/alinepagnotadepaula http://www.facebook.com/anapaulamendesv

Quer me conhecer melhor? Assista ao vídeo “Quem sou eu” https://www.laircecardoso.com.br/quem-sou-eu

Sobre o Autor: Lairce Cardoso
Lairce Cardoso

|

Nasci no berço da família Cardoso, na cidade de Paranapuã, no interior de SP no dia 15 de Julho de 1.963. Sou a nona filha do Senhor Libério e da Dona Lindaura.

Comentários (2)

Alexandra Cosmo Responder

A paciência é amarga, mas seu fruto é doce. As vezes a ansiedade de que algo aconteça nos faz sair do corpo rs para que seja feita a nossa vontade. Mas o tempo e a vontade é de Deus, tudo na sua hora. Tenho trabalhado muito isso. Ótima reflexão La.. ótimo dia pra vcs ??

21 de abril de 2020 at 10:58
Léo alvarenga Responder

Lindíssima !!!!calma e paciência definem os sábios.

21 de abril de 2020 at 13:34

Deixe uma mensagem

Qual o seu nome?
Preencha com um e-mail válido
O seu endereço de e-mail não será publicado
Digite uma mensagem :)